domingo, julho 05, 2009

Detalhes

Com a comemoração dos 50 anos de carreira, Roberto Carlos voltou a ser febre nacional, disputando espaço na mídia com a morte de Michael Jackson.

Sempre nutri aquela antipatia natural do jovem que repudia o velho por hábito mais do que por avaliação real.

Hoje, gosto de suas letras, não de sua voz, e me toquei ao ouvir algumas de suas músicas.

Identifiquei-me com a letra abaixo, pois os últimos acontecimentos me fizeram saber de ter sido a melhor coisa na vida de alguém, e que mesmo o tempo passando, ele ainda vai lembrar de mim.

Contudo, já percebo que a longa estrada do tempo transforma um grande amor, mesmo que não seja, ainda, em quase nada.


"Durante muito tempo
Em sua vida
Eu vou viver...

Detalhes tão pequenos
De nós dois
São coisas muito grandes
Prá esquecer
E a toda hora vão
Estar presentes
Você vai ver...

Eu sei que esses detalhes
Vão sumir na longa estrada
Do tempo que transforma
Todo amor em quase nada
Mas "quase"
Também é mais um detalhe
Um grande amor
Não vai morrer assim
Por isso
De vez em quando você vai
Vai lembrar de mim..."

Detalhes - Roberto Carlos

3 comentários:

Clari... disse...

detaaaaaaaaaaalhes tão pequeeeeeeeeeeeeeenos... eita drama, hein?? melhor q isso, só novela mexicana!
Roberto Carlos é a trilha sonora ideal p mim, que gosto de pirar minha vidinha pacata :P

Nely ✿ disse...

Seu texto é verdadeiro sim. Mas a pessoa ouve Roberto Carlos? rs


Eu já cresci ouvindo Roberto Carlos. Minha vó era muito fã e tinha a coleção completa de LP's dele e os ouvia diariamente. Eu me lembro dela cantando para mim: ' debaixo dos caracóis dos seus cabelos... '

Minha mãe herdou essa coleção e nós duas ouvimos principalmente aos domingos... rs

Túlio Clemente de Andrade disse...

Quando eu era bem pequeno, meu vizinho ouvia os discos do Roberto todas as manhãs...

Cresci conhecendo as músicas dele e admirando as suas composições...

Na adolescência, passei a preferir suas composições em outras vozes, desprezando aquelas tocadas apenas na voz do próprio Roberto... Um ato de rebeldia da idade talvez...

Talvez esteja ficando velho aos 22 anos, mas voltei a gostar das músicas, da voz e da pessoa Roberto Carlos...

Acho que somente ele e mais ninguém no país seria capaz de causar tanta comoção quanto a morte de Michael Jackson causou nos EUA...

Abraços e parabéns pelo blog...