quarta-feira, abril 01, 2009

De pernas para o ar

Fiz uma cirurgia semana passada, por conta disso, estou parecendo a atriz principal do retorno da múmia, sinto-me confinada na casa do BBB e faz quase uma semana que não saio de casa. Passo metade do tempo deitada, sem poder andar muito, ao mesmo tempo que tento ocupar a cabeça com atividades relaxantes para não ficar doida.

Com essa experiência conclui alguns fatos:

  • Poderia passar a vida sem trabalhar, desde que tivesse uma renda. De fato não senti falta nem 1 segundo de trabalhar;
  • Passar o dia vendo seriados e tv a cabo é muito bom. Pegar um box daquele seriado que a gente adora e não pode acompanhar a última temporada é uma alegria quase infantil. Agora estou me atualizando de LOST;
  • Gosto de malhar, estou morrendo de vontade de fazer exercícios, poder me movimentar tão freneticamente que minha cabeça esfazia-se;
  • Sem internet não dá para ser hermitão. O ser humano é um ser social, precisamos de contato com o mundo, nem que seja virtualmente.
  • Cuidado com a oferta de comida. Isso acaba com a boa forma de qualquer um, por isso, sou a favor de geladeira vazia e só comidas saudáveis em casa e em pouca quantidade para que a compulsão não tenha nem chance comigo.
  • Já li todas as revistas de fofocas dos últimos tempos e a conclusão é que muda ano, mês e tudo parece não mudar.
  • A maior saudade de todos os tempos é das baladas e claro dos amigos.

Caro único leitor amigo, é isso ai... em breve o retorno da modern girl e não da múmia.

2 comentários:

Clari... disse...

eu seeeeeeeeeeeeei que os amigos sumiram, mas é que justo essa semana os afazeres aumentaram em PG, e PG nesse caso é o bom conceito criado há um tempo... não, não é daquele que melhora quando se insere um F depois das duas letras (PGF)... Mas qdo vc for p sua casa os amigos voltarão :P

bjo e qjo

Amandita disse...

Bons tempos akeles q PG significavam outras coisas. ahahahah