quarta-feira, junho 17, 2009

Círculo de amizades

Com o tempo nós nos especializamos na vida. Refiro-me não no sentindo de aprofundar conhecimento, processo constante, mas sim a respeito da delimitação do campo da vida.

Somos crianças em um bairro, estudamos numa escola, fazemos segundo grau em outra, o que aparentemente leva a um ampliação de pessoas que conhecemos e socializamos.

Mas com o tempo percebemos que não. Especialmente, durante e após a faculdade, verificamos que estamos delimitando o círculo de amizades e deixando vários nichos de fora.

Demora um tempo para tomarmos consciência dessa situação, já que essa ocorre de forma tão condicionada e natural.

Para mim, foi notório após alguns anos de formada: fiz vários colegas na universidade da mesma graduação, depois na especialização reencontrei alguns dessa epóca e sempre trabalhando na minha área, continuei socializando quase que exclusivamente com pessoas formadas no mesmo curso.

Com isso perdi a possibilidade de ter mais amigos de outros ambientes, e de alguns nichos muito mais emocionantes e ricos que o meu.

Sabe o que me fez tomar consciência disso? Conhecer alguns novos amigos músicos. Eles são muito mais leves, possuem outros dramas e riquezas compartilhados.

Agora estou em busca de amigos: atores, engenheiros, físicos, médicos, matemáticos, arquitetos, dentistas, oceanógrafo...

Só não me diga que é das relações internacionais. Porque você já foi excluído.

4 comentários:

Clari... disse...

kkkkkkkkkkkk

eu tbm quero amigos diversificados! De preferencia loucos, sem noção, que fazem as noitadas renderem muitos risos!

Amanda disse...

Só continuar nas rodas, pq maluco beleza não falta.

Pena que o visual não anda permitindo arranjar mais do q amizades :P

Nely ✿ disse...

Kd os blogueiros na lista de novos amigos? rs
:))

Amanda disse...

Poxa, q gafe :(

Mas outro post foi dedicado só pros novos amigos blogueiros:

http://sobreotudoeonada.blogspot.com/2009/05/tenho-essa-estranha-identificacao-por.html